ComportamentoDestaquesLucas Machado

Texto Amizade

Texto Amizade

Texto Amizade

Por Lucas Machado

Segundo um dos livros mais lidos, ou pelo menos em cada dez casas cinco tem um volume. Saint- Exupéry – O pequeno Príncipe. Só se vê com o coração. O essencial não é visível aos olhos.

Precisamos entender que amizades são assim, é preciso vê-las sempre com o coração, enxergar os outros como pessoas diferentes, e tão importantes para nós.

Se formos olhar no “pai dos burros” a gíria formatada para o dicionário. Existem as seguintes palavras para definir amigo: Protetor. O que acolhe.

Vamos pensar nos nossos amigos de agora, os próximos os distantes, os que não estão mais conosco nessa passagem carnal aqui por essas terras, os que nos identificamos mais, completamente diferentes…. Pensamos que de nada vale o tesouro de tantas relações em comum, de tantos momentos vividos juntos, de tantas desavenças e tantas reconciliações, encontros e desencontros, de tantas emoções compartilhadas.

Começamos a entender uma amizade e por que nos faz tanta falta, quando simplesmente não temos, e por que agradecemos quando elas existem. Mesmo por que elas conseguem refletir o que temos de melhor e de pior. Mostrando nossa fragilidades e fortalezas.

Quando podemos nos despir nossas vestes, que muitas vezes nos aprisionam nas nossas necessidades de comportamentos, muitas vezes exigidos pela tal modernidade.

Li em algum lugar que a amizade é fundamentada na identidade do fim espiritual eu pessoalmente não acho pois, nós somos seres espirituais vivendo uma experiência carnal, assim como disse acima, então é óbvio que tenha ligação espiritual. O que eu não acredito é aquela famosa frase. “Nossa tenho que aguentar essa pessoa por que ele é meu carma”. Isso é muita religiosidade, né irmãozim.

Na real o amigo é aquele que abre portas, mesmo aquelas que você nem conhecia ou que não se permitia abrir. E também permite que você entre, mesmo que as portas estejam fechadas, pois ele sabe que você conhece muito bem como sair pelas janelas.

Não importa realmente quantidade e sim a qualidade com quem nos relacionamos. Com amigo a vida fica mais leve, bastando para isso que tenhamos a grandeza de reconhecer que não estamos e não queremos ficar sozinhos, mesmo que não seja toda hora.

Leia mais textos:

Amizades Coloridas

A cor da Coragem

 

 

Lucas Machado

Lucas Machado

Escritor, profissional de Marketing e Comunicação.

Anterior

Carne Vermelha faz mal

Próximo

Empreendedorismo social