DestaquesThiago Chiericatti

Spaghetti e massas

Spaghetti e massas

Spaghetti e massas

Williams Sonoma

Destrinchando

Por Chefe Thiago Chiericatti

Uma briga histórica que ninguém irá desvendar ! Por muito tempo se discutiu sobre que povo teria inventado o spaghetti e as massas em geral: os chineses, os árabes ou os italianos. A origem até recentemente admitida era aquela da origem árabe, na forma do spaghetti seco, a chamada Itrjia que entrou na Europa quando do domínio árabe na Sicília no século IX.

Aí essa massa foi sendo mais elaborada desde sua chegada a Trabia, próxima a Palermo. A Sicília ficou sendo a “pátria” dessa iguaria até ser substituída por Nápoles já no século XVIII.

Outra teoria sobre a chegada na Itália do spaghetti atribui essa feito a Marco Polo que teria trazido essa novidade na volta de sua viagem à China entre 1271 e 1295. Hoje, sabe-se que já havia registros de spaghetti e maccheroni (macarrão) na península anteriores a essa data.

Pesquisas do Instituto de Geologia e Geofísica da Academia de Ciências de Beijing sob o comando do Prof. Houyuan Lu mostraram que, embora os mais antigos registros escritos em chinês acerca do spaghetti datassem dos anos 25 a 220 DC, durante a Dinastia Han “Oriental”, essa massa alimentícia era bem mais antiga.

Houyauan Lu escavava no sítio arqueológico de Lajia, província Qinghai, noroeste da China. O local fora destruído por uma catástrofe inesperada – provavelmente, um terremoto, uma enchente de rio ou ambos no final do Neolítico. No local estava o macarrão dentro de uma vasilha virada de cabeça para baixo, que estava soterrada, a cerca de três metros da superfície. Tratava-se de um precursor do spaghetti.

Os árabes teriam sido apenas o veículo da entrada na Europa dessa invenção chinesa. Na Itália, foram encontrados sinais deste tipo de alimento em frescos etruscos do século IV a.C. e nas ruínas de Pompeia, juntamente com outros objetos chineses, demonstrando que a rota da seda tinha sido estabelecida pelo menos no século I a.C.. Massa fresca caseira (pasta fatta in casa)

– Passo a passo – 100 Gr de farinha de trigo (considere um pouco mais para o manuseio na hora de abrir) 1 ovo (coloque mais um se a massa ficar muito seca)

Vamos à massa.

Peneire a farinha (evita grumos na massa), junte o ovo e misture até ficar homogêneo. Sove bem a massa até que ela fique bem lisa e elástica. A base da massa é a mesma para varias receitas, o que muda é como você cortará. Para isso, temos que abrir massa com a ajuda de um rolo, sempre salpicando farinha para não grudar. Abra o mais fina possível em uma tira comprida, já que o tagliatelle tem o formato de fitas compridas.

Depois de bem aberta, enrole na direção do comprimento como uma rocambole e corte fatias com 1cm de largura ou um pouco mais de uma dedo. Se você máquina de macarrão tudo será mais simples, mas eu fiz o post sem para quem não tem também consiga fazer.

Eu improvisei um varal colocando colheres de pau apoiadas nas bordas de um caldeirão para estender as tiras. Mas você pode usar um cabide de roupas também como sugeriu uma ex aluna minha. Cozinhe a massa em água abundante e salgada até que fique macia (12 minutos no máximo) *Essa massa caseira você pode fazer a massa da lasanha também, basta fazer o corte.

Leia Mais:

Comida como recompensa

Escolhas e a terceira lei de Newton

Thiago Chiericatti

Thiago Chiericatti

Thiago Chiericatti já esteve a frente de grandes restaurantes em Belo Horizonte e na Itália. Passando pelo restaurante topo do mundo, Vila Floriano e o respeitado Giussepe Trattoria em Milão. O chef Chiericatti está em grande evidencia no mercado da gastronomia por sempre ser ousado em arriscar novas receitas.

Bailarinos profissionais
Anterior

Bailarinos profissionais

Rodrigo Fraga assina figurinos da banda Pato Fu 3
Próximo

Rodrigo Fraga assina figurinos da banda Pato Fu