Blenda GirardiDestaques

Relacionamentos Interpessoais

Relacionamentos Interpessoais

Relacionamentos Interpessoais

Foto: Shaayaa

Destrinchando

Por Blenda Girardi

Queridos leitores! Mais uma semana e aqui estamos novamente, graças a DEUS! Não faltam assuntos para podermos buscar cada vez mais a saúde. Diferentemente de outros momentos, outros temas, mas sem sair de um estilo de vida saudável, gostaria de dividir com vocês um assunto além do que estamos aqui acostumados. Gostaria de abordar sobre a saúde das nossas relações interpessoais.

Não, eu não sou psicóloga ou estudante das faculdades mentais. E sim, apenas mais uma pessoa que, nos episódios que a vida nos apresenta, busca aprender em cada situação e que deseja dividir isso hoje, aqui mesmo, com vocês.

Bem, desde criança, a maioria de nós aprende a estabelecer contato com as outras pessoas, aprende a dividir, enfim. Todas aquelas regrinhas básicas de convivência. Aliás, a febre que invade hoje os programas de TV abordam exatamente isso: a convivência, ou no caso, a falta de uma boa convivência; os chamados realities tudo.

E onde isso interfere em nossa saúde? Muito simples! Quando estabelecemos boas relações com as pessoas ao nosso redor, não nos sentimos bem? Ou alguém aqui arriscaria dizer que é auto-suficiente? Bem, eu iria mais a fundo: ser auto-suficiente em tudo, em minha simples visão, é algo quase utópico. E desnecessário! Afinal, como é bom, num momento de aperto, saber que temos um amigo para quem contar! Um alguém para dizer: me ajuda! Ou mesmo, em tempos de redes sociais, com sabedoria e discrição, chamar por auxílio.

Esses dias encontrei uma cadelinha que estava fortemente debilitada. Não sabia muito o que fazer e coloquei em minhas redes sociais pedido ajuda e orientação. Pessoas das quais não via a tempos, ou mesmo quem nós nunca esperamos, apareceram. E o final foi feliz.

Estarmos bem relacionados, sem jogo de interesses, e sim, estabelecer um ambiente, no mínimo, cordial, também pode ser saúde. Saúde das relações pessoais, se é que eu poderia chamar assim. Uma vez, em uma palestra para empresários, ouvi de um deles uma frase que me marcou: “Pessoas são contratadas pelo curriculum, e demitidas pelo caráter. (ou a falta dele).” Não lembro o autor, mas isso a meu ver, é uma verdade.

O texto de hoje não é para dizer se devemos acreditar no ser humano ou não. E sim, que DEUS pode agir através do ser humano, estabelecendo boas relações com as pessoas em volta, conectar ajuda e tudo se completar. Isso também é DEUS. E este sim, JAMAIS decepciona.

Leia mais:

Homens como se vestir no trabalho

Naty López

Blenda Girardi

Blenda Girardi

Bailarina profissional há mais de 20 anos. Primeira bailarina clássica em sua companhia em Belo Horizonte/MG aos 19 anos e posteriormente, dedicou-se a todos os outros estilos de dança. (Jazz, contemporâneo, jazz funk, hip hop,
samba, musicais, etc). Formada também em Educação Física, estudante de teatro e canto atualmente.

Trabalha em programas de tv, como o ‘Domingão do Faustão’, da Rede Globo de Televisão, nos quadros que necessitam de bailarinos., fotografa como modelo para campanhas, etc.

Tem um solo show intitulado ‘Samba De Ponta’; que é um misto de samba com ballet nas sapatilhas de ponta, fazendo apresentações em eventos nacionais e internacionais. Destaque para o encerramento da Copa do Mundo de Judô, transmitido ao vivo pelo SPORTV, canais Globo.

Perder barriga e definir músculos
Anterior

Perder barriga e definir músculos

Loucuras Lúcidas 2
Próximo

Loucuras Lúcidas