DestaquesDestrinchando

Quietude

Quietude

Quietude

Destrinchando

Quando jovens, somos como um rio escandaloso, que desce as águas com uma forte correnteza, muitas vezes levando tudo ao redor para desembocar num vão profundo.

Ao longo dessa correnteza, aprendemos com os erros ( muitos aprendem outros, vocês já sabem, empacam na vida) amadurecemos e seguimos em busca de equilíbrio.

Se tudo der certo, passamos de um rio para um lago, calmo e tranquilo. Foi longa a minha jornada, de tropeços do avesso, de loucuras sem medidas, e com a vida de pernas ¨pro ar¨ vislumbrei, lá de cima, uma luz que me inundou e me preencheu de tal forma, que tudo fez sentido.

O equilibro se encontrou no desequilíbrio, a loucura na sanidade, a falta de esperança no sentido total da vida. Descobri que é preciso ter fé para encontrar quietude em meio à tempestade.

Fé não é sugestionamento psicológico. Fé não é truque religioso Fé não é mecanismo místico. Fé não é confissão positiva. Fé é confiança inabalável. E como é bom confiar !! Confiar é ter a certeza que, mesmo as coisas não acontecendo como planejamos no final tudo dará certo. É deitar a cabeça no travesseiro e ter um sono tranquilo, pois sabemos que a tristeza pode uma noite durar, mas a alegria vem logo pela manhã.

É saber que não estamos sozinhos, mas que o Criador caminha conosco!! Não precisamos viver uma busca incansável por satisfação pessoal, mas sim, uma busca incansável por amor, pois o amor gera paz, gera tranquilidade, e assim encontraremos a verdadeira plenitude, quietude.

Gosto muito de uma frase, que me leva a refletir e a querer sempre buscar o melhor que há em mim.

“ O propósito da vida é o amadurecimento da alma”

Leia mais:

Não somos o que comemos e sim o que digerimos

Segredos da Páscoa

Destrinchando

Destrinchando

Fashion TV 1
Anterior

Fashion TV

Inovação e competição podem reduzir custos bancários 1
Próximo

Inovação e competição podem reduzir custos bancários