DestaquesDestrinchando

Mercado

Mercado

Por Jack Bala

Como todo mercado anda parado, esse aqui não esta. Belo Horizonte e Minas Gerais. Já  há algum tempo, um boom está acontecendo em carros equipados com motores V8.

Parece que uma onda de saudosismo invadiu os Mineiros e carros como Dodge, Maverick e Opala, entre outros antigos e transformados, os Hot Rods, viraram um atraente mercado, praticamente tirando de circulação os modelos que ainda estavam por aí.  Quem tem, tem um verdadeiro tesouro, dependendo do modelo do veículo.

Um mercado específico, onde até a vaidade tem valor, pois a vontade de ter o “melhor carro” faz com que verdadeiras joias surjam novamente, nos encontros, nos passeios e em rodas de negócios.

Alguns desses carros chegam a alcançar valores inimagináveis. Os famosos Dodge Charger, fabricados no Brasil, especificamente os do ano de 1975, alcançam preços que podem chegar a R$150.000,00! Ford Maverick, os GT 302, com motores V8, também alcançam preços expressivos.

Nessa onda de saudosismo, não poderiam ficar de fora os famosos Opalas que, apesar de não terem sido lançados com os grandes motores V8, também não ficam atrás, com seus motores de seis cilindros (apesar de menores que os motores V8, não são menos potentes, sendo inclusive a grande dor de cabeça para os motores V8 em termos de potência).

Opalas dos anos de 1978 e 1979, com motor de seis cilindros originais de fábrica, também estão com preços bem salgados no mercado e, da mesma forma que os V8, dependendo do modelo, podem ter seu preço bem elevado.

Um mercado novo? Nem tanto. Minas Gerais sempre foi celeiro de grandes carros, assim como de grandes colecionadores. Tanto na área de veículos originais, como dos transformados, os Hot Rods, e até mesmo de competição, notadamente na categoria arrancada, onde carros com motores V8 daqui de Minas sempre se destacaram nas competições nacionais. Apesar de isso ser muito pouco divulgado.

Encontros desses veículos têm acontecido, mas infelizmente são pouco divulgados, deixando a população de fora  de uma ótima opção de programa, pois quando os eventos acontecem, podemos ver pela qualidade dos carros que Minas Gerais tem sim muita tradição quando o assunto é veículos antigos, transformados, os Hot Rods ou originais, restaurados ou não.

Quem ficar ligado pode reparar que, normalmente nos fins de semana, uma grande quantidade desses carros circula por Belo Horizonte, mostrando toda a imponência e beleza dos carros das décadas passadas.

Até a próxima.

 

Destrinchando

Destrinchando

Anterior

Fernanda Mello

Próximo

Gonzo Jornalismo