DestaquesFitnessSaulo Arruda

Gratidão texto

Gratidão texto

Gratidão texto

Por Saulo Arruda

Particularmente, vivo um momento de grandes desafios, transição, planejamento, erros e acertos.

Sendo claro, me sinto fora da minha zona de conforto, mas predominantemente confiante, prudente e feliz.

Quem nunca viveu ou viverá situações semelhantes, não é mesmo?

Como escrevi em um dos textos anteriores, vida boa é aquela que é constantemente remexida. Acredito que tudo que nos acontece, de bom ou ruim, é da nossa propriedade e merecimento.

Impossível não citar também que vivemos um período de grandes mazelas nos campos político, ético e social.

Mas a boa noticia é que estamos vivendo um momento de “luz” e não de “escuridão”. Até parece o fim dos tempos, mas defendo que vivemos é um importante recomeço.

Para ilustrar, é como se estivéssemos, por muito tempo, num quarto com pouca luminosidade. E, de repente, acenderam-se as luzes e muitas anormalidades foram reveladas.

Elas precisam ser corrigidas. E tudo isso causa uma grande desordem, perda, desconforto, dor e insegurança, mas certamente passará mais cedo ou mais tarde…

É inteligente pensar também que não podemos condenar ou permanecer lamentando as duras lições de vida.

Agradecer uma experiência tortuosa traz um sentido para o passado, tranquiliza o momento presente e nos permite uma visão, um pensamento positivo e, principalmente, atuante para o futuro.

Por tudo isso, AGRADEÇO de verdade!

Todo este relato inicial foi para enfatizar o tema gratidão.

Não vou escrever o que o dicionário esclarece, afinal trata-se de uma palavra tão ampla e abstrata que prefiro cita-la através de fatos e experiências.

Entendo que gratidão existe para os acontecimentos que nos causam a felicidade e também para os momentos difíceis que nos trazem aprendizado e sabedoria.

Em outras palavras, devemos incluir todas as coisas boas e ruins em nossa fiel agradecimento. Isto é especialmente verdadeiro e fundamental para a nossa evolução social e espiritual.

Pode parecer filosofia, mas atente-se para o fato de que no dia a dia, não são os acontecimentos agradáveis que nos fazem pessoas agradecidas, mas é praticando a gratidão, acompanhada da ação, que nos tornamos indivíduos plenamente felizes.

Caros leitores, tenho praticado a gratidão por tudo que tem me acontecido nos últimos tempos.

Se me permitem uma dica e uma confissão, tudo fez muito sentido quando pratiquei um exercício simples no início de 2016.

Infelizmente não darei crédito ao autor, pois hoje vejo que muitos sites e blogs praticam esta atividade.

Explicando com as minhas palavras, o estudioso propôs que escrevêssemos 3 agradecimentos diários durante 21 dias e colássemos os textos em locais do nosso cotidiano.

Deveriam ser agradecimentos relativo a fatos positivos ou acontecimentos difíceis que nos fizeram aprender com os erros ou com a dor.

O objetivo da técnica foi criar o hábito da gratidão através da repetição por 21 dias, além de provocar o pensamento sobre as coisas e ações que te fazem bem.

Como sou disciplinado, o experimento realmente mexeu comigo, por isso recomendo demais!

Por fim, proponho também 3 autoanálises com o objetivo de sedimentar a boa ação de agradecer tudo que nos acontece:

– Certifique-se de agradecer verdadeiramente para que não faça da gratidão um simples desejo de receber mais favores.

– Se está insatisfeito por aquilo que não tem, avalie se este sentimento não é fruto da falta de gratidão pelas coisas que já conquistou.

– Verifique se não está agradecendo muito, mas agindo pouco. A gratidão traz a felicidade, mas ela vem ainda melhor se acompanhada de ação, foco e determinação.

Sou grato pela oportunidade de compartilhar este conteúdo com vocês e espero que reflitam sobre ele!

Destrinchando

Destrinchando

Anterior

Ferrari aniversário

Próximo

Sociopata e Psicopata