DestaquesDestrinchando

Design Prize 2017

Design Prize 2017

Design Prize 2017

Jury and candidates in front of the Serpentine Gallery (PRNewsfoto/Hublot)

Destrinchando

Marca de relógios que ilumina os astros em ascensão do mundo do design

Em sua terceira edição, o Hublot Design Prize foi concedido a Carolien Niebling e ao seu magistral projeto The Future Sausage. O júri também homenageou o trabalho de Jessi Reaves com um prêmio especial de 25.000 francos suíços.

O prêmio Design Prize 2017 é considerado um incentivo profissional com o objetivo de reconhecer o talento de um designer já bem-sucedido, oferecendo-lhe a exposição de que precisa para que no futuro seu nome figure ao lado das figuras mais famosas.

Um prêmio que recompensa o design com o espírito da Hublot, que busca designers com uma forma inovadora de pensar e criar; uma forma de expressão anticonformista e pioneira, um desejo de sempre superar seus limites e ir além do que já existe.

A Hublot criou esse prêmio em 2015 para celebrar e homenagear o design e seu modelo Big Bang. Neste ano, o Hublot Design Prize será realizado no pavilhão da Serpentine Gallery, um pavilhão de verão reprojetado anualmente por arquitetos, designers e criadores renomados que nunca haviam construído nada em solo inglês antes.

Em 2017, o pavilhão foi reprojetado por Francis Kéré, premiado arquiteto de Burkina Faso. Anteriormente, Zaha Hadid, Frank Gehry, Jean Nouvel, Peter Zumthor e Herzog and De Meuron, só para citar alguns, compartilharam suas visões de design e arquitetura com o público em geral decorando o pavilhão de verão.

Foi nesse mesmo prédio que Ricardo Guadalupe, CEO da Hublot, concedeu a Carolien Niebling o Hublot Design Prize de 2017. A vencedora recebeu um cheque de 100.000 francos suíços, destinados a apoiá-la e ajudá-la a realizar seu trabalho. É uma oportunidade única para que um designer ganhe reconhecimento.

O Hublot Design Prize de 2017 premia o trabalho magistral de Carolien Niebling e sua abordagem lúdica e original. Sua pesquisa sofisticada e altamente abrangente ganhou a forma de uma dupla abordagem científica e técnica que levou ao livro intitulado “The Future Sausage”, uma das melhores publicações deste ano.

Nesta edição, o júri também decidiu conceder um prêmio especial a Jessi Reaves pelo seu trabalho inovador e experimental, que proporciona um olhar totalmente novo e reafirma de forma brilhante sua visão única que se desloca entre arte e design.

Leia mais:

Precauções com o clima seco

Pousada DuBreu

Lucas Machado

Lucas Machado

Escritor, profissional de Marketing e Comunicação.

Anterior

Paris Fashion Week

Próximo

Decoração de garagem