DestaquesLucas Machado

Conteúdo

Conteúdo

Conteúdo

Por Lucas Machado

O cenário do marketing mudou significativamente com a introdução das mídias sociais. Confira.

As pessoas vivem me perguntando o por que faço conteúdo? Como eles são escolhidos entre outros diversos questionamentos.

Eu tenho algumas respostas e outras passam do meu entendimento, pois não dizem respeito apenas a mim. A comunicação ou melhor o Marketing realmente já não é o mesmo, depois do digital.

O Marketing digital e as mídias sociais, trouxeram um mix de ferramentas totalmente diferentes e estão sob diversas formas de mutação a todo tempo.

Segundo as próprias plataformas, todos os dias são efetivados em média 10 bilhões de views de snapchats, 52 milhões de posts no Instagram, 600 milhões de tweets – o que reafirma que as redes sociais não são mais brincadeiras de Orkut e facebook e sim um hall enorme de oportunidades e consequentemente responsabilidades.

Eu digo que são responsabilidades pois todos esses números são gerados através de que? A resposta. Conteúdo.

Esse mesmo conteúdo é transmitido de diversas formas, mas com objetivos distintos, isso eu quero dizer para quem faz realmente conteúdo, não vou adentrar nesse assunto, para não atingir os que brincam de conteúdo, afinal cada um faz o que quer.

Mas empresas as usam as mídias sociais para ajudar a alcançar uma variedade de objetivos, seja para conduzir as pessoas pelo ciclo de vendas, aumentar a satisfação do cliente, ou simplesmente para compreender por que os clientes agem e pensam sob uma gama generalizada de segmentos.

Não importa o canal ou o meio e sim que o conteúdo na minha opinião tem as seguintes direções: Para falar de coisas corriqueiras do dia-a-dia, informar, ou para levar as pessoas exatamente ao seu canal de vendas, através de uma decisão consciente de compras.

Mas as empresas que usam as mídias sociais, elas disputam espaço com seus amigos, com sua família, futebol, política a até mesmo religião, que por sinal, foi tema da redação do ENEM.

Mas como isso funciona na prática. As pessoas, ou melhor a maioria delas querem saber de histórias. O que? Isso mesmo, histórias muitas histórias. E para uma empresa atingir seu público-alvo meu caro é isso que ela tem que fazer.

Mas como fazer isso. Conteúdos sendo compartilhados na quantidade certa na hora certa e com a tal da história certa.

Vou dizer mais uma vez como um fomentador de conteúdo que vem acompanhando muito de perto a pelo menos 15 anos suas transformações.

Milhões de views ou compartilhamentos, isto não significa que o conteúdo causou impacto e o objetivo foi alcançado. Impressionante é preciso muito mais do que isso. O conhecimento do pensamento e desejos de seu público é sempre o primeiro passo. Você pode, então, entender exatamente o que o sensibiliza … ou não. Então como escolher os canais certos para concentrar sua marca?

Um bom ponto de partida é analisar seu conteúdo histórico, para determinar o quê conquistou maior número de visitantes e envolvimento em cada plataforma social.

A mutação a qual disse anteriormente esta exatamente ai. A cada post nas mídias sociais são criadas novas pegadas digitais. O lance é coletar, processar e analisar. Em seguida vá atrás do time certo. Assim você garante seu investimento social.

Quer ter sucesso siga as regras, que já não são básicas, são mutantes. Mesmo que você como empresa quer o que está escrito na apostila da sua pós-graduação, mestrado ou cursos off e on line mundo afora. A realidade virtual é a seguinte. Entregar o que seus clientes precisam onde e quando quiserem. Hasta !!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Lucas Machado

Lucas Machado

Escritor, profissional de Marketing e Comunicação.

Anterior

Fim da era

Próximo

Donald Trump