DestaquesDestrinchando

Comprar ou Fabricar

Comprar ou Fabricar

A cultura das motos e carros tem se enraizado cada vez mais nos brasileiros e a onda da customização também tem feito a cabeça dos amantes dos motores.. As mudanças em seus “brinquedos” são comuns hoje em dia. Infelizmente, a maioria dos acessórios hoje em dia são gringos e caros. Existem as opções nacionais, mas em menor número e a qualidade desses produtos nem sempre atinge o patamar desejável para quem quer qualidade.


A pressa também é inimiga. Muita gente compra seu carro ou moto e quer logo fazer mudanças. Essa pressa, faz com que as pessoas nem sempre atinjam um nível de bom gosto ou qualidade e muita gente tem confundido customização com colocação de acessórios e os resultados as vezes são desastrosos. Motos ou carros que deveriam ser bonitos, se transformam em “prateleiras” de acessórios e seus donos, ou por falta de conhecimento ou por pressa, vão colocando coisas em seus veículos que os tornaram feios e de mau gosto por vezes atrapalhando até a funcionalidade da moto ou carro.

 

Já ouvi casos de pessoas que colocaram plataformas gigantes em suas motos e foram ao chão por que as tais plataformas rasparam no asfalto, levando a moto e o pobre coitado do dono a sofrer não só danos matérias como também físicos. Carros também passam a ter sua funcionalidade atrapalhada por acessórios ou adaptações que não foram bem planejadas, levando seu dono a cometer equívocos e a se arrepender da modificação feita. Eu mesmo já tive que “amansar” carros em que seus donos me pediram uma potência acima do necessário para andar na rua, tornando o carro beberrão e desconfortável para se rodar, mesmo nos fins de semana.

 

Imagina, você no trânsito de Belo Horizonte, em um carro com quase 500 cavalos, com uma embreagem de cerâmica, com 1.200 libras de pressão?
Vai ficar com uma perna maior que a outra…
Mas uma prática ainda pouco adotada no Brasil, porém muita usada na gringa, é a fabricação de peças e acessórios, sejam para carros ou motos. Quando digo fabricação, falo da artesanal, onde a peça em questão é feita especialmente para seu veículo. Muita gente torce o nariz para isso, seja pela demora que essa prática pode trazer, seja pela falta de mão-de-obra adequada para a realização desse tipo de serviço.Mas se você tiver paciência, com certeza vale a pena procurar.


Um guidão diferenciado, uma descarga que só você vai ter ou mesmo uma suspensão adequada para aquele motorzão que você mandou fazer para seu carro vão valer a pena para que ele grude no chão ao despejar potência.Os profissionais estão por aí. Mas você tem que saber o que quer para não gastar dinheiro a toa ou fazer algo que não seja funcional.No mundo da customização, quase tudo é possível. Mas nem tudo fica bom, seja em termos de visual ou funcionalidade.

 

Dependendo do que você quer, vale a pena uma pesquisa. Tenha calma ao comprar seu carro ou moto. Faça uma pesquisa antes de comprar e, ter em mente o que se quer, adianta muito na hora de customizar seu veículo.

 

Muita gente compra o carro ou moto e ali mesmo na concessionária começa a gastação de dinheiro. Sem critério, sem planejamento. Vai juntando coisas no seu carro ou moto e depois de um tempo, vê que o resultado está longe do desejável ou pior, acaba com o carro ou moto em vez de valorizá-los. Portanto, fica a dica. Mandar fabricar suas peças ou acessórios, dependendo do que for, muitas vezes traz um resultado melhor e mais em conta, do que ficar colocando coisas sem critério em seu veículo.

 

Destrinchando

Destrinchando

Anterior

Tailândia

Próximo

Inovações de Carpaccio