DestaquesDestrinchando

Casa cor Minas Gerais 2019: Obras de arte na decoração

Casa cor Minas Gerais 2019: Obras de arte na decoração

Destrinchando

Galeristas e decoradores possuem relação próxima. Isso vai ficar ainda mais claro na abertura da mostra Casa Cor Minas, no dia 03 de setembro. Uma parceria com a galeria Celma Albuquerque vai levar para o evento um bom recorte da arte contemporânea. Uma ótima oportunidade para apreciar as obras fora do espaço tradicional, de uma forma mais intimista.

“Trabalhamos diretamente com o arquiteto, com uma amostragem individual para cada ambiente”, conta Flávia Albuquerque.

Os escritórios Casa Terezee e CLS Aquitetura foram alguns dos nomes que levaram obras para seus ambientes. Algumas delas podem ser conferidas nas imagens abaixo.

“Obras de arte valorizam decoração e garantem personalidade aos ambientes. Mas o contrário também precisar ser levado em consideração, ambientes que valorizem o trabalho do artista”, explica Flavia.

No dia a dia da galeria, é comum o contato com arquitetos e decoradores, quando orientam na escolha da obra, que vai muito além de pinturas. São gravuras, fotografias, esculturas e até mesmo instalações.

Flávia conta que a parceria com os profissionais é um trabalho em conjunto

para oferecer algo com gosto do cliente, dentro do possibilidade financeira e até mesmo grandes obras.

 

 

Sobre a Celma Albuquerque

Desde sua fundação, em 1998, a galeria Celma Albuqueruqe mantém um calendário regular de exposições de arte contemporânea, principalmente de artistas brasileiros. Os sócios Flavia e Lucio Albuquerque dão continuidade ao trabalho de sua mãe, Celma Albuquerque, colecionadora e fundadora da galeria que leva seu nome. “Ela sempre foi respeitada e atuante no cenário artístico nacional. O Lucio e eu, como segunda geração, continuamos fazendo o possível para darmos sequencia ao seu legado”, explica Flávia.

Da combinação bem sucedida entre uma expertise curatorial arrojada com uma sólida e fundamentada visão da arte como empreendimento, resulta uma singular apresentação de obras e artistas contemporâneos, permanentemente atenta à polissemia de suas linguagens, suportes e configurações.

“A galeria tem como um de seus objetivos principais a divulgação de novos artistas e suas propostas, bem como contribuir para a formação de novas coleções”, conta Flávia.

Projetada para abrigar os mais variados tipos de projetos artísticos, como debates, bate-papos com artistas, críticos e curadores, além de mostras e exposições que contemplam amplamente o resultado de um empreendimento artístico e, frequentemente, também as etapas e pormenores de sua realização – possui espaços expositivos independentes, o que permite efetuar exposições simultâneas. A galeria possui ainda uma equipe é preparada para atender aos visitantes e suas demandas, sejam elas relacionadas a arte ou ao mercado.

 Serviço

Galeria Celma Albuquerque

Rua Antonio de Albuquerque 885

Leia mais:

Modelo mineira é rosto da Lancôme

 

Lucas Machado

Lucas Machado

Escritor, profissional de Marketing e Comunicação.

Anterior

Moda: Curinga para a meia estação

Próximo

A nossa nova bota Moc Toe