Blenda GirardiDestaquesFitness

Carne Vermelha faz mal

Carne Vermelha faz mal

Carne Vermelha faz mal

Por Blenda Girardi

Devido as últimas notícias sobre as carne vermelha isso fez com que os brasileiros pensassem mais na sua alimentação diária.

Não tem como não falar; passar por uma churrascaria e não pensar: comer ou não comer carne vermelha? Em tempos onde está na boca do povo entender a qualidade da carne que chega às nossas mesas, muitos brasileiros tem migrado para o consumo de peixes, por exemplo.

De acordo com o site G1, uma semana após a operação ”Carne Fraca”, da Polícia Federal, só no Rio de Janeiro, o consumo pela carne de peixe cresceu 20%. Índice que realmente chama a atenção.

A procura aumentou pois, entre outros fatores, o brasileiro tem se preocupado com a qualidade da carne que abastece seus lares. Mas afinal, carne de peixe faz mesmo bem?

Quem nos responde, é a nutricionista Paula Crook, da PB Consultoria em Nutrição: “O alimento é uma ótima fonte de proteína. É superior em qualidade proteica se comparado à carne vermelha, pois contém um tipo de gordura muito mais saudável.” E, ainda falando de índices, Paula nos chama atenção quando argumenta que, em países orientais, o alto consumo deste tipo de carne está relacionado à menores ocorrências de doenças cardíacas.

E quando falamos em carne de peixe, vêm logo na cabeça o conhecido ômega 3: “um dos principais componentes que torna o peixe um alimento tão saudável é o ácido graxo ômega 3, que reduz a viscosidade do sangue, diminuindo as taxas de triglicérides e aumentando o colesterol bom, auxiliam no controle da pressão arterial, diabetes e doenças degenerativas”, afirma Andressa Colombo Balestro, endocrinologista do Centro da Obesidade e Síndrome Metabólica da PUCRS.

Mesmo com todos estes benefícios, é claro que não podemos encerrar esse texto sem ressaltar que para toda mudança ou acréscimo na alimentação, o ideal é estar acompanhado pelo profissional responsável. E também, à medida que vamos conhecendo nosso próprio corpo, mais atentos ficamos para tudo o que ele nos diz, e assim, a comunicação fica mais fácil com o seu nutricionista, e a busca por uma alimentação saudável, mais assertiva.

Cito como exemplo, anos atrás, quando junto a um acompanhamento profissional, passei a adotar uma alimentação natural, quase totalmente livre de rótulos. Aos poucos fui percebendo o ‘peso’ que a carne vermelha ocasionava no meu organismo.

Sentia-me mais indisposta ou, quando ia à um rodízio de carne, era difícil voltar a comer normalmente, pois ficava muito satisfeita, mesmo muito tempo depois. Andressa Balestro endossa essa sensação quando afirma que ingerir carne de peixe é de maior e mais fácil digestão, diferente da carne vermelha.

No entanto, isso pode variar de indivíduo para indivíduo, objetivo, ritmo de vida de cada pessoa, enfim! Daí, mais um motivo para estar coladinho com seu nutricionista. Colocar peixe na alimentação faz muito bem. Isso pode estar bem claro para a maioria de nós.

Porém, além disso, deve levar-se em conta a quantidade a ser ingerida, qual peixe é mais adequado, e por aí vai. Ter os melhores ingredientes em casa sem uma orientação profissional, é como presentear uma Ferrari para uma criança de 8 anos.

Blenda Girardi

Blenda Girardi

Bailarina profissional há mais de 20 anos. Primeira bailarina clássica em sua companhia em Belo Horizonte/MG aos 19 anos e posteriormente, dedicou-se a todos os outros estilos de dança. (Jazz, contemporâneo, jazz funk, hip hop,
samba, musicais, etc). Formada também em Educação Física, estudante de teatro e canto atualmente.

Trabalha em programas de tv, como o ‘Domingão do Faustão’, da Rede Globo de Televisão, nos quadros que necessitam de bailarinos., fotografa como modelo para campanhas, etc.

Tem um solo show intitulado ‘Samba De Ponta’; que é um misto de samba com ballet nas sapatilhas de ponta, fazendo apresentações em eventos nacionais e internacionais. Destaque para o encerramento da Copa do Mundo de Judô, transmitido ao vivo pelo SPORTV, canais Globo.

Anterior

Paralisia

Próximo

Texto Amizade