DestaquesThiago Chiericatti

Cannoli Italiano

Cannoli Italiano

Cannoli Italiano                                                         Foto: Divulgação Thiago Chiericatti

Destrinchando

Por Chefe Thiago Chiericatti

Os cannoli (no singular em italiano cannolo e em siciliano cannolu) são uma sobremesa proveniente da Sicília que consiste em uma massa doce frita em formato de tubo, recheada de um creme de ricota. Os cannoli são bem populares na cozinha italiana nos Estados Unidos. Originado em Palermo e Messina, o cannolo era feito historicamente durante as festividades do carnevale italiano, provavelmente como um símbolo de fertilidade.

Embora tenham influências gregas e árabes, assim como a cassata siciliana, o cannolo foi produzido ainda antes da dominação árabe. No ano de 75 A.D., sendo questor da Sicilia ocidental em Marsala, Marco Túlio Cícero refere-se ao “tubus farinarius, dulcissimo, edulio ex lacte factus”, ou seja, ao “doce tubo de massa de farinha recheado com creme de leite” No Brasil, o cannolo é tradicionalmente vendido nos intervalos de partida do Clube Atlético Juventus, no Estádio Conde Rodolfo Crespi, na rua Javari no bairro da Mooca em São Paulo.

Também vendido aos domingos no bairro do Bixiga ,na praça Dom Orione ,na feira de antiguidades do Bixiga. Os cannoli de docerias italianas nos Estados Unidos podem se diferenciar um pouco do cannolo original, provavelmente devido às adaptações feitas por imigrantes italianos durante o século XIX, que se depararam com uma certa dificuldade em encontrar os ingredientes originais na América. Os cannoli americanos ainda podem conter ricota, embora mascarpone seja um pouco mais raro.

Os recheios também podem variar muito nos EUA.

INGREDIENTES MASSA: 1 Kg de farinha de trigo de boa qualidade 1 colher (chá) de sal 300 ml de água RECHEIO 1 1/4 Kg de açúcar 1/2 Kg de farinha de trigo 3 litros de água 1 colher (café) de corante amarelo ouro 100 ml de essência de baunilha (½ xícara de chá) Açúcar para polvilhar

MODO DE PREPARO MASSA: Em uma tigela coloque 1 kg de farinha de trigo, 1 colher (chá) de sal e misture. Adicione, aos poucos, 300 ml de água, misturando com as mãos até formar uma massa homogênea (nem dura e nem mole). Deixe descansar a massa por 20 minutos.

RECHEIO: Em uma outra tigela coloque 1,250 kg de açúcar, ½ kg de farinha de trigo, misture bem até formar uma farinha homogênea e reserve. Coloque em uma panela 3 litros de água e leve ao fogo médio até ferver. Adicione 1 colher (café) de corante amarelo ouro, 120 ml de essência de baunilha, a mistura de farinha com açúcar e mexa sem parar com uma colher de pau até ficar com textura mole (como polenta) por cerca de 7 minutos. Retire do fogo e deixe esfriar.

MONTAGEM: Abra a massa bem fina (reservada acima) usando um cilindro. Com uma faca corte em tiras e em seguida enrole cada tira de massa no canudo de inox especial para cannoli. Depois frite em óleo quente até dourar. Retire os canudos e escorra em uma peneira. Quando a massa esfriar, retire o canudo (o canudo de inox se solta naturalmente depois de frio). Com uma faca larga ou colher, recheie os cannoli com o creme de baunilha (reservado acima), salpique açúcar e sirva em seguida. Dica: para o recheio inteiro de chocolate adicione 200 g de chocolate em pó no recheio já pronto e quente e misture bem até ficar homogêneo.

Leia mais:

Carré de Cordeiro

Pão de queijo

Thiago Chiericatti

Thiago Chiericatti

Thiago Chiericatti já esteve a frente de grandes restaurantes em Belo Horizonte e na Itália. Passando pelo restaurante topo do mundo, Vila Floriano e o respeitado Giussepe Trattoria em Milão. O chef Chiericatti está em grande evidencia no mercado da gastronomia por sempre ser ousado em arriscar novas receitas.

Anterior

Alessandra Ambrósio

Próximo

Comida a quilo invenção mineira