DestaquesDestrinchando

Artista mineira inaugura obra pública na Alemanha

Artista mineira inaugura obra pública na Alemanha

Destrinchando

Arista mineira Laura Belém inaugura obra pública na Alemanha

Na terça-feira, 09 de julho, às 19h, a artista  mineira Laura Belém, radicada em SP, inaugura sua primeira obra pública permanente. O trabalho foi comissionado pelo programa ‘Art Residency Wildbad’, em Rothenburg ob der Tauber, Alemanha.

O convite faz parte de um projeto mais amplo da instituição Wildbad Rothenburg que, ao longo de 10 anos irá comissionar artistas contemporâneos internacionais para criarem obras públicas específicas e permanentes para o parque Wildbad.

A obra que Laura desenvolveu ao longo de três meses é uma instalação sonora polifônica com um objeto readymade. Ela conta com um poema de Nora Gomringer , especialmente escrito e gravado para este projeto.

O trabalho se inspira livremente na história de Wildbad Rothenburg (https://wildbad.de/) no passado um local famoso por suas águas termais e de cura, e pela posterior extinção dessas fontes termais. Instalada permanentemente dentro de uma pequena caverna no parque, a obra dialoga com a paisagem externa e com os arredores, mas também tece relações com uma “paisagem interna”, onde natureza, memória, lugar, poesia e imaginação se entrelaçam e respondem uns aos outros.

Nesse sentido, o tema da água serve como ponto de partida para explorar estados psicológicos e emocionais mais profundos, ligados a conceitos de memória, tempo, oralidade e deslocamento.

 

Laura Belém é representada pela galeria Celma Albuquerque (MG).

 

“The […] Element”, 2019

Instalação com quadrifonia sonora e objeto readymade

Poema e narração: Nora Gomringer

Gravações e design de som: Rüdiger Sturm, Laura Belém e Pyromusic

 

www.laurabelem.com.br

Lucas Machado

Lucas Machado

Escritor, profissional de Marketing e Comunicação.

Anterior

Mobilidade urbana: Patinetes serão vendidas no Brasil para uso pessoal

Próximo

Marcas de biquínis fazem coleção para o próximo inverno